30 de ago de 2011

Compras em Santiago

Lojas de lápis-lázuli: não dá pra comprar em qualquer uma
 Vira e mexe alguém me escreve perguntando sobre onde fazer boas compras em Santiago. Bom, tudo depende. Vocês sabem que eu não curto a ideia de gastar tempo precioso da minha viagem enfurnada num grande shopping; curto as comprinhas que aparecem aqui e ali ao longo da viagem e, sim, sempre compro vinhos pra trazer pra casa. Nesse quesito, Las Condes e Vitacura são os melhores bairros de Santiago para fazê-lo, de papelarias lindas de morrer a móveis de design.
Uma caminhada por Las Condes e Vitacura é certeza de topar com lojas bacanas
 Basta saracotear um pouquinho por esses dois bairros para encontrar tudo e mais um pouco, não interessa o que você andava procurando. Só não espere pechinchas por lá.
Vitrines, vitrines e mais vitrines
A sugestão de compra mais importante que tenho em Santiago é a El Mundo del Vino, que conta com várias filiais na cidade. Não apenas chilenos, mas vinhos e espumantes bacanas do mundo inteiro são vendidos lá, e a preços bem interessantes - algumas botellarias da cidade podem até ter preços um pouquinho menores, mas as condições de armazenamento são sempre discutíveis; pessoalmente, acho muito mais garantido na loja, principalmente se você valoriza um bom vinho.
As papelarias são incríveis, coloridíssimas, deliciosas
 Para coisinhas pra casa e acessórios (cachecóis, mantas, ponchos etc) bem artesanais e autênticos eu sempre sugiro a ONA, sobre a qual acabei de postar no Saia pelo Mundo. Não são pechincha, mas duram super e são lindos.
 Para acessórios gourmet, chás, temperos e outras maravilhas para os amantes da cozinha, não há endereço melhor que a Coquinaria. Além de linda, com direito a restaurante e café dividindo ambiente com a loja, tem tudo o que vc pode procurar - inclusive uma área inteirinha com produtos da Fauchon, de morrer.
Para design e moda bem autênticos, procure pelas estilistas Patricia Barrera Sarika Rodrik, ótimas.  A livraria Milaires também é deliciosa, dá pra passar uma tarde ali.
Um dos balcões maxi tentadores da Coquinaria
Bom, mas se o seu negócio é shopping, shopping center MESMO, vá direto ao gigante Parque Arauco, um dos maiores da América Latina (e o maior de todo o Chile), que trocentas grifes chilenas e internacionais, incluindo as fast-fashion e lojas de departamentos (tipo Ripley, Falabella e Paris) que os brasileiros adoram.

9 comentários:

Mãe Mochileira,Filho Malinha disse...

Ah Santiago...como eu te amo,rsss...
Post completissimo ,adorei.
beijo,boa semana!!

Larissa Azevedo disse...

Adorei o Post

recentemente li um livro sobre Santiago e achei um lugar fantástico não vejo a hora de poder conhecer

=)

Chile para crianças disse...

Amei! Vou lá! Estou adorando suas dicas chilenas!

Estou morando aqui no Chile e aproveitando para conhecer tudo!

Bjs e obrigada
Cinthia

Chile para crianças disse...

Mari,
Eu de novo!
Além da Isidora Goynochea, que ruas são legais para achar as lojinhas?
Obrigada
Cinthia

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

Cinthia, depende do que vc procura. No centro, há várias ruas de comércio. Em Las Condes, as ruas que cortam a Isidora tb são bem legais.

Chile para crianças disse...

Oi, Mari,
Obrigada! Gosto deste seu mesmo estilo de compra, mas já tinha andado um pouquinho por Las Condes e não tinha visto tanta coisa legal.
Próximo fim de semana,estarei por lá de novo! A ver...

Ah,acabo de voltar da casa do Pablo Neruda em Isla Negra ( só faltava esta! ) . Li se post pela manhã, me empolguei e fui...vapt vupt! Amei!!!
Obriada
Cinthia

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

oba, que bom!

Chile para crianças disse...

Almocei no Coquinaria este sábado. Dica sensacional,Mari!
Além de a comida ser ótima,acaba sendo um 'passeio' tb para as crianças. Ficamos um tempão descobrindo temperos, chás, chocolates e livros. Valeu a dica mais uma vez!

Cinthia
@chileparacriancas.blogspot.com

Silmara Colombo disse...

Santiago é minha viagem frustrada. Cancelei mas não desisti. Está adiada por tempo indeterminado.
Feliz 2012 para você.