25 de nov de 2011

Atacama de novo!

 É isso mesmo que vocês estão suspeitando: lá fui eu de novo para o deserto do Atacama, cerca de dois anos depois da primeira visita. A viagem tinha me marcado muito, muito mesmo: acho o Atacama literalmente uma coisa de outro mundo, inesquecível, indescritível; e também tinha feito ótimos amigos na ocasião, com os quais mantenho contato até hoje.


 Se da primeira vez eu estive lá para uma deliciosa semana de férias, em viagem solo, dessa vez acabei indo parar lá numa viagem a trabalho, com um grupo de jornalistas (e mais a Bóia do VnV! ;-D). E agora posso dizer com propriedade o que eu já suspeitava: pra mim, o Atacama é como a Patagônia Chilena - posso voltar pra essas bandas mil vezes que elas me arrebatam de novo, como se fosse a primeira visita.


 Refiz belíssimos passeios que já tinha feito da primeira vez, fiz novos e adoráveis passeios, curti de novo o centrinho fofo de San Pedro, adorei tudo. Então agora, nos posts seguintes, vou contando detalhadamente sobre os passeios, as novidades, o hotel em que ficamos hospedados (o belo Kunza), como chegar, todo o be-a-bá. Que eis aí uma viagem pra fazer e refazer. E baita destino também para solo travelers, btw.



Stay tunned, que a saga Atacama II: a missão tá só começando ;-)

4 comentários:

Patty disse...

Mari, estou indo pra Atacama em fevereiro sozinha. Queria dica de albergue ou pousada barata, pq não tenho com quem dividir. 6 dias é o suficiente? Vou ficar 2 dias em Santiago, que já conheço. Qual operadora que vc indica pra comprar os passeios? Como estão os preços nesta época? Tem uma estimativa de quanto gastar por dia incluindo hospedagem, comida, passeios? Obrigada.
Adoro seu blog e sempre acompanho suas viagens.

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

Patty, eu sempre fiquei em hotéis que incluem também os passeios, que acho o melhor custoXbenefício do Atacama. Estou compilando preços de passeios avulsos e vou postar aqui no blog em breve. As estimativas de gasto são algo muito pessoal, que depende unicamente do perfil do visitante - fica difícil opinar. Mas 6 dias é o tempo perfeito pra conhecer o melhor da região, você vai adorar.

Anônimo disse...

Atacama é certamente um lugar para voltar novamente e novamente.
Um deserto cheio de mistérios, para experimentar fortes sensaçãos.
Voltar alí, seguro, que é um prazer. Não, Mari?
Bjs
Carmen

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

Voltaria mil vezes pro Atacama, Carmen. Indescritível o baque que a gente sente ao ver aquela paisagem.