19 de out de 2012

Inverness é assim


 Inverness costuma ser a “base” eleita pela maioria dos viajantes que visitam as Highlands escocesas.  Chegar lá é simples: de carro, vindo de Edimburgo, pelo trajeto mais curto e rápido, a duração da viagem é a mesma de quem viaja em trem: 3h30 no total (mas já deixo registrado aqui que o trajeto mais longo, pela A82, que dura loooongas 6h, é de longe muito mais bonito). E tem também voos direto de outras cdades europeias para lá.
 O bom de ficar hospedado em Inverness é o fácil (e rápido acesso) a maior parte das atrações mais conhecidas da região, de lagos e a castelos – dá pra fazer os passeios como bate-e-volta e voltar sempre para dormir em Inverness, que tem mesmo a maior infra em termos de hotelaria, restaurantes, malls etc.
 O centrinho é gostoso de caminhar e bem tranquilo, dia e noite, sobretudo nas margens do rio, com belíssima vista para o castelo da cidade (que hoje virou galeria de arte) e pontes gracinha para cruza-lo de um lado a outro. Vale visitar as igrejas nas duas margens do rio, lindíssimas. A cidade tem uma quantidade impressionante de hotéis, dos abundantes B&B aos hotelaços cinco estrelas, assm como uma belíssima variedade de restaurantes, cafés e afins. Até a vida noturna ali é animadinha, embora eu só tenha achado uma casa com música ao vivo (o Hootieannis, bem no centro).

 Para os consumistas de plantão, vale saber que, além das lojinhas do centro (que incluem de tudo, inclusive uma Primark, que os brasileiros amam), tem também um shopping, a menos de dez minutos de caminhada do centrinho, cheeeeeio de lojas.



 Na cidade, dá pra fazer tudo a pé. Para os arredores, muitas coisas dá para fazer em trem (a estação fica bem pertinho da zona hoteleira); para coisas mais específicas, alugar um carro é mais indicado, e há várias locadoras na cidade, inclusive no aeroporto e na estação de trens. Agências (algumas, não muitas) também se encontram no centro da cidade para quem preferir comprar tours para whisky trail, Lago Ness e outros.

Gracinha de cidade, ótima infra, bela base. Mas vale deixar claro que, em termos de beleza natural, os lugarejos menores das Highlands ganham de longe.

Um comentário:

Inverness disse...

Maria - we LOVE your Inverness pictures - especially the last one - it would be great if you could share them on www.facebook.com/InvernessCityUK so that more people could see them!