5 de jan de 2013

Passeio de um dia a Nápoles e Pompéia desde Roma

O Frecciarossa: achei carinho mas bem confortável
CONHECER Nápoles (sou da turma que gosta bastante da cidade) e CONHECER Pompéia, no mesmo dia, na minha opinião é coisa que não dá. As ruínas de Pompéia a gente conhece bem num dia, mas Nápoles é uma cidade grandinha. Agora, fazer um bate-e-volta de Roma para conhecer Pompéia e dar um rolê básico em Nápoles é algo perfeitamente possível na minha opinião. Eu mesma já fiz isso: ir cedo, percorrer Pompéia todinha e pro final da tarde dar um passeio em Nápoles, ver o mar, comer um bela pizza napolitana e um sorvetinho é um programão.
O trem da Circunvesuviana: pegamos um excelente na ida e um velhaço, caindo aos pedaços e com cheiro terrível, na volta 
 Era isso que tinha planejado nessa "Roma com amigos" de novembro passado. Mas tivemos uns percalços e, well, se por um lado Pompéia deu bem certo, Nápoles simplesmente não rolou.
Não queriamos acordar muito cedo, então pegamos um trem a Nápoles das nove da manhã. Um Frecciarossa ótimo (comprar pela internet antecipadamente pode garantir umas promos - tks, JB!), com wifi, assentos confortáveis, rapidão, tudo beleza - só que houve um pepino na ferrovia e ficamos quase uma hora presos. Chegamos a Nápoles já bem atrasados mas conseguimos bem rápido pegar o trem da Circunvesuviana para chegar a Pompéia (ainda não sabemos o porquê, mas pegamos as catracas liberadas na ida; mas o melhor é já comprar ida e volta, por praticidade). O dia estava feio e não demorou muito para começar a chover.
 Da estação de Pompéia à entrada das ruínas são, literalmente, minutinhos de caminhada. Pegamos a bilheteria (11 euros) quase sem fila. Fizemos a maior parte do passeio por Pompéia sob chuva mas nem por isso achei menos interessante; perde em beleza, claro, com o dia tão cinza. E chateia, porque a gente não tem onde se esconder da chuva nunca (exceto pelo restaurante). Mas continuo achando aquelas ruínas incríveis; passamos horas e horas nesse passeio e só saimos do parque quando já estava bem perto da hora de fechar. As termas, as colunas, anfiteatro, cerâmica, mosaicos... gostei como se fosse pela primeira vez.











 No final da tarde, ainda sob chuvinhaa fina, voltamos à estação de Pompéia para pegar o trem de volta a Nápoles - não tinhamos muito tempo, então pensamos em só comer a napolitana da Da Michele e voltar a Roma (nosso trem era de sete e pouco da noite). Mas Murphy-amigo nos pregou outra: o trem, que costuma dar as caras de vinte em vinte minutos em média, atrasou uma eternidade e chegamos a Nápoles, infelizmente, muito tarde. Só tivemos tempo para um cafezito na estação mesmo antes de pegar o trem de volta a Roma. Mas, ó, acho que, mesmo sem Nápoles, o passeio valeu, viu?

P.S.: para efeito de informação, pagamos 49 euros o trem Frecciarossa ida e volta a Nápoles (dá pra ser mais barato se pegar promo melhor ou se tomar o regional, que demora mais) e 2,80 a perna de Nápoles a Pompéia pela Circunvesuviana.

20 comentários:

Tina disse...

Oi Mari, gostaria de uma ajuda sua:
Penso em ir p Italia no período de 27/3 a 11/4, nao penso em pegar praia, apenas conhecer as paisagens, voce acha que é será muito frio?

Tenho 16 dias para esta viagem e gostaria de conhecer Veneza, Cique Terne e Costa Amalfitania, e talvez pegar um cruzeiro na Italia para conhecer as ilhas gregas, qual o roteiro que vc indicaria?
Do Norte para o Sul:
- Se eu chegar por Veneza qual a cidade que devo fazer base para conhece Cique Terne? e qtos dias?
- Qual a cidade para fazer base em Costa Amalfitania? e qtos dias?

Do Sul para o Norte:
- Melhor chegar por Napoles ou outra cidade?

Vc conhece algum site onde eu chegar os horarios de onibus em cique terre e costa amalfitana?

kiss

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

Oi, Tina! Não acho frio nessa época, não. Não faz calor, é claro, e pegar praia é só para os muuuuuito fãs nessa época; mas já é primavera, que é uma época maravilhosa para conhecer a região. Cinque Terre é um tema complexo: de Florença, dá pra conhecer todas no mesmo dia, porque as cinco ficam a cerca de 10min umas das outras. Mas não dá pra ver muito, embora sejam pequenininhas. Se quiser ver bem todas, acho que 3 dias/2 noites são mais que suficientes. O trem que circula o dia todo por elas (vc compra um passe e pode usar quantas vezes quiser naquele dia) sai de La Spezia, que muita gente usa como base. Dentre as cinco, é uma questão de gosto. Amei Manarola, mas cada um tem sua preferida.
Na Costa Amalfitana também é uma questão de gosto. E quantos dias também depende de como vc quer fazer. Bem devagar, com carro, parando em cada cantinho? Ou só as cidades principais, com transporte público? Diria mínimo de 3 dias. Nápoles pode ser base, mas fica bem mais longe. Sorrento é uma boa se vc quiser ir à Pompéia e Capri também, por exemplo.

Para horário de ônibus em Cinque Terre, esse site aqui tem boas info - http://cinqueterre-travel.com. Eu usei o Cinque Terre Train (o passe válido por cada 24h) e recomendo muito. Acho mais prático e fácil que ônibus. Para costa amalfitana, aqui tem alguma info: www.amalficoasts.com

Tina disse...

Oi Mari, obrigada por responder!
Well, agora ja me animei p ir, pq tdo mundo diz q eh muito frio, muito isso, muito aquilo, mas eu ja viajei em março/abril p europa e pelo q me lembro os dias sao agradaveis.
Entao, so por questao de logistica de viagem: vc acha melhor chegar pelo sul e vir subindo, ou do norte - chegando por vemeza?

Vc ja foi a Tailandia? Sozinha? (pergunto pq esta seria outra opcao de viagem nesta epoca!)

Ja te contei que ja li todos teus livros?! ; )

Kiss tina

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

Que delícia saber que vc leu meus livros, Tina!

Acho que tanto faz ir "subindo" ou "descendo" ao fazer o roteiro da sua viagem. Veja que trajeto aéreo para chegar lá te fica mais conveniente, porque os trens funcionam bem. Você pode até chegar por Milão e sair por Roma (ou ao contrário)para se deslocar menos por lá, se preferir. E fazer umas simulações no site da Trenitalia, por exemplo; às vezes, uma diferença de itinerário pode significar uma bela diferença de preços nas passagens de trem.

Já fui para a Tailândia, sim, mas acompanhada. O único senão é a época - abril já não é mais uma época boa para ir para lá, por causa das chuvas. Mas é um país muito seguro e amistoso, conheço muitas mulheres que viajaram sozinhas. A Lu Malheiros, do blog Dividindo a Bagagem, por exemplo, foi para a Tailândia e fez uma bela parte da Ásia sozinha também e gostou muito da experiência, tanto que vai repetir no começo do ano que vem. Passa lá no blog dela para espiar ;)

Tina disse...

Oi Mari, grata pela resposta.
Entao eu to pensando em voar pela AirFrance direto p Veneza, depois ir p cinque Terne e voltar por Napoles, o q vc acha?

Tailandia to pensando em ir agora em meados de fevereiro/13.

Desculpe, mas nao consigo me achar direito no teu blog, onde eu procuro os post sobre Tailandia?

kiss

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

Ah, isso de voar direto a Veneza e depois voar direto de Nápoles é excelente (só lembrando que os voos à Veneza param no continente e não na ilhota).
Procurar destino aqui no blog é assim: olha o menu (destinos, lugares, países, hotéis, assuntos) que tem no canto inferior direito aqui da página inicial.
Fevereiro pra Tailândia é ótimo, foi o mês que fui. Mas os posts estão super desatualizados. Pode me deixar perguntas que respondo atualizadinho com o melhor prazer.

Tina disse...

Oi Mari, agora vc me deu um nó...rsrs

...(só lembrando que os voos à Veneza param no continente e não na ilhota).

Não conheço Veneza, então nao entendi a diferença?

entao vc acha q vou pegar bom tempo se for agora em fevereiro p Tailandia eh? tipos dias de sol? e eh frio?

kiss

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

É normal essa confusão, Tina. Como quem vai de trem tem que tomar cuidado e comprar a passagem a Venezia Santa Lucia e não Venezia Mestre - a Veneza que nós vemos nos filmes e tal é uma ilha e não a parte da cidade grudada no continente. O aeroporto Marco Polo também fica no continente. Acho que nesse mapinha do Google Maps dá pra vc ver bem:

https://maps.google.com.br/maps?q=venezia+mestre&rlz=1C1OPRA_enBR512BR512&sugexp=chrome,mod%3D15&um=1&ie=UTF-8&hl=pt-BR&sa=N&tab=wl

Tailândia agora em fevereiro é suuuuper calor. Quente mesmo, e muito úmido. A estação das chuvas começa (oficialmente) em março.

Tina disse...

Oi Mari, entao sera uma boa ir p a Tailandia agora em Fevereiro? Pq eu fui p Amazonia e era quente e umido, e nao gostei nem um pouquinho da sensação....credo!

Quero conhecer a Veneza dos canais, das gondolas...dos filmes...então tenho q descer em qual aeroporto??

kiss

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

Pois é... mas é que depois vêem as chuvas...

Tina disse...

Entao...quero conhecer a Veneza dos canais, das gondolas...dos filmes...então tenho q descer em qual aeroporto??

kiss

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

Só tem um aeroporto, Tina. Marco Polo, no continente. De lá vc tem que pegar um transfer para a ilha. Dá uma busca no Google que vc encontra opções. Nunca cheguei lá de avião, sempre de trem, e sempre em Venezia Santa Lucia.

Tina disse...

Pelo que pesquisei, acho q devo descer no aeroporto em Veneza - Treviso, por so existe dois em Veneza e o outro é o aeroporto em Veneza - Marco Polo...é isso mesmo?

E se resolver fazer o contrario, começar pelo Sul da Italia (Napoles p ex, subir p conhecer Costa Amalfitana, cinque Terre, e terminar a viagem em Veneza, depois eh facil sair da ilha p ir ao continente pegar o voo de volta?
Pergunto pq to tentando fazer o voo pela AirFrance q ta c preço bom, mas ela so vai ate o aeroporto em Veneza - Marco Polo!!

kiss

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

Dá no mesmo. O "trabalho" para chegar ou sair do aeroporto e ir pra ilha é o mesmo.

Tina disse...

Vc tem algum hotel BBB (bom, bonito e barato) e bem localizado p me indicar em veneza na ilha?

kiss

Tina disse...

Oi Mari, me decidi pela viagem a Italia, vou de Paris a Veneza de avião, mas depois vou viajar de trem p ir em direção ao sul da Italia.
Vc tem algum hotel BBB (bom, bonito e barato me indicar em Veneza (na parte da ilha), que fique localizado perto da estação de trem?

Vc que andou pela Italia recentemente, teve algum problema em consequencia da crise financeira q eles se encontram??

kiss

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

que ótimo, vc vai adorar a viagem. Mas infelizmente não tenho nenhum hotel do tipo para indicar. Aliás, Veneza é uma cidade em geral carinha para hospedagem.
Quanto à crise, fique tranquila: estive na Itália em setembro e em novembro últimos e só tive alegrias. A única consequência da crise que os turistas percebem é o fato dos preços estarem mais baixos para comer e para comprar, inclusive lembrancinhas ;)

Tina disse...

Oba.....comprinhas tb fazem parte da viagem....pena q vou ter q levar malinha pequena p andar de trem...sniff!

Se vc nao tem um hotel p indicar, ao menos me diga a região q fique perto dos atrativos p eu procurar hotel por lá? ? e qtos dias vc acha q é bom ficar em Veneza?

kiss

PS: aceito sugestao de local p ir em Fevereiro?! (tailandia achei muito caro as passagens! :(


Mari Campos - Pelo Mundo disse...

Os atrativos estão por toda parte de Veneza e andar por ali é fácil e gostoso. O ponto principal da cidade é a Piazza San Marco, mas também costuma ser o mais caro. A quantidade de dias depende da pessoa, mas acho que duas noites estão de bom tamanho.

Tina disse...

tks, pela dica do local...

PS: aceito sugestao de local p ir em Fevereiro?! (tailandia achei muito caro as passagens! :(

kiss