18 de mai de 2007

Turistas que entram, turistas que saem...

Enquanto o governo traça suas metas para o crescimento do turismo de estrangeiros no Brasil, os brasileiros estão empolgados com as quedas do dólar. Desde o começo do ano, já foram mais de 8 % de desvalorização, o que tem aumentado razoavelmente a procura por pacotes internacionais nas agências de viagens. As expectativas da ABAV (Associação Brasileira dos Agentes de Viagens) é que a compra de pacotes internacionais cresça em torno de 15% em 2007, em comparação com o ano passado. Dólar convidativo e economia estável são a faca e o queijo na mão dos brasileiros sem dívidas. Desde a quebra da velha Varig, o número de assentos disponíveis diminuiu e a lotação dos vôos tem sido constante, enquanto o mercado se readequa. Mas quem pretende viajar em julho e ainda não fechou seu pacote, deve correr: a maioria dos vôos internacionais está lotada durante todo o mês de alta temporada. Para Buenos Aires, por exemplo, é difícil até encontrar disponibilidade num hotel da capital portenha, a predileta dos brasileiros que viajam para o exterior.

Translated by Google
While the government traces its goals for the growth of the tourism of foreigners in Brazil, the Brazilians are empolgados with the falls of the dollar. Since the start of the year, already they had been more than 8% of depreciation, what he has increased razoavelmente the search for international packages in the travel agencies. The expectations of the ABAV (Brazilian Association of the Agents of Trips) are that the purchase of international packages grows around 15% in 2007, in comparison with the last year. Convidativo dollar and steady economy are the knife and the cheese in the hand of the Brazilians without debts. Since the Varig in addition old, the number of available seats diminished and the capacity of the flights has been constant, while the market if readequa. But who intends to travel in July and not yet it closed its package, must run: the majority of the international flights is crowded during all the month of high season. For Buenos Aires, for example, it is difficult until finding availability in a hotel of the Buenosairean capital, the favourite of the Brazilians who travel for the exterior.

Um comentário:

Bruna disse...

bom, como você, já estou de malinhas prontas para Buenos Aires, só que vou em julho. Fechei anteontem, e peguei uma cotação ótima. Sem contar que os preços lá são melhores ainda, com o peso valendo cerca de 0,70 do real. Dá-lhe Argentina!!!!