27 de mar de 2011

Imediatismo

Antigamente (e com isso eu não quero dizer há séculos, mas coisa de cinco anos atrás), eu planejava minhas viagens com um ano de antecedência - decidia o destino e, assim que as vendas do aéreo para o dito cujo começavam (11 meses antes), já comprava os tickets para garantir as melhores tarifas. Uns três meses antes, no máximo, já estava com os hotéis reservados. E era assim.
Hoje mudou tudo. Acabo decidindo as viagens no ímpeto, geralmente baseadas em big promotions de passagens aéreas ou promoções especiais para emissão de milhas. Pode ser para embarcar de última hora, pode ser pro próximo feriado ou, no máximo, para quatro meses depois, que é o intervalo que normalmente estas promotions permitem (comprei esse mês minha passagem para viajar em julho, BAITA intervalo :-D, e também tô de olho numa outra para maio). Emiti passagens com milhas para Nova York com quatro meses de antecedência - e isso porque tive uma pressinha pela viagem ser em pleno Spring Break e nosso Tiradentes+Páscoa.
Com os hotéis a regrinha virou a mesma. Geralmente, com menor intervalo de tempo ainda, já que virei fãzona dos leilões de diárias de sites como sniqueaway, jetsetter e companhia limitada, que oferecem ofertaças para hotéis de primeira linha (pra última hora MESMO, expedia e priceline continuam os campeões).
Quer que eu seja bem franca? Acho que nunca paguei tão pouco para viajar, e nunca me hospedei tão bem quanto nesses últimos tempos. Minha passagem para a Espanha, em julho, me custou esse mês exatos 513 dólares. Nunca, nunquinha mesmo, eu tinha pago, em dólares, tão pouco por uma passagem transatlântica.
Não, não sou favorável a deixarmos tudo sempre para última hora - continuo achando planejamento fundamental. Mas, num mundo em que as coisas mudam tão rápido, o tempo todo, faz mesmo mais sentido a gente não se antecipar TANTO às coisas. Ainda mais se nosso imediatismo em viagem puder vir acompanhado assim, de promoções e preços tão legais. Tudo ao mesmo tempo agora ;-)

10 comentários:

gabebritto disse...

Adoro aproveitar promos para viajar. Mas só para viagens curtas, coisa de feriado ou fim de semana.

Para viagens de férias, não troco por nada os meus estudos e namoros com o destino. Amo muito estes meses de preparação, quando descubro coisas sobre o povo, a cultura e coisa e tal. Sei que às vezes acabo pagando mais caro por isso, mas, sei lá, eu fico mais feliz quando chego no destino sabendo muito sobre ele.

=)

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

opa, ótimo ponto de vista, Gabe! concordo super que a preparação é uma das coisas mais deliciosas de se viajar. Mas, no meu caso, os quatro ou cinco meses que as promotions andam dando (como na viagem pra Ilha de Páscoa, pra Espanha etc) já são suficientes pra curtir, estudar e ler muito, sem abusar da ansiedade ;-)))))

CarlaZ disse...

Isso é sempre uma grande dúvida comprar antecipado ou aproveitar as promoções...
Eu acabo normalmente optando por comprar antecipado porque gosto de escolher, estudar etc...
Mas ano passado usei muito promoções para viagens no Brasil, principalmente de usar menos milhas para retirar passagens.
Pras próximas férias comprei num impulso uma promoção pra Austrália, e até agora não me empolguei com essa viagem. Faltando dois meses e meio não fechei roteiro, não escolhi hotéis e nem comecei a estudar as cidades.
Preferia ter deixado as ferias pra depois e escolhido algum lugar da minha listinha.

Lu Malheiros disse...

Mari,
Concordo contigo. Só não consigo deixar para última hora passagens para viajar na alta temporada ou perto de feriados como Carnaval. Na verdade, evito viajar no feriados, mas, geralmente, emendo férias com Carnaval. Aí, não tem jeito compro com, no mínimo 3 meses de antecedência.
Para minhas férias de julho, emiti uma passagem numa promo de milhas da LAN com MUITA antecedência (acho que 1o meses!).
Bjs

Valéria disse...

Oi Mari!
Sou totalmente desinformada neste assunto e viajo nas suas informações, ser antenada é outra coisa! Como vocês conseguem tantas promoções bárbaras?!

Loriza disse...

Bom dia Mari,

Como faço para participar dos sites sniqueaway, jetsetter? Vc pode me enviar um convite?
Obrigada!

Gustavo - Viajar e Pensar disse...

Oi Mari,

Realmente passagens tentadoras, promoções de hoteis e leilões, a vida do viajante está movimentada.
Tirando so grandes feriados e Julho, vejo que as viagens ficam mais baratas usando da emoção, deixando tudo para a última hora.
Estou com uma passagem para os EUA em setembro, e vejo que os Hoteis estão com valores impraticáveis, quase o dobro do que está agora em Abril. Garanto sempre uma Reserva no Booking sem pagamento e taxa de Cancelamento e vou garimpando até mais próximo a data.
Viva as Promo, e que vejam mais e mais.

Boas Viagens para nós!!!!

Anônimo disse...

Fiquei curiosa com esses sites de leilão de diárias. Será que existe algum para America Latina?

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

Anonimo, todos esses sites de leiloes que mencionei sao validos para America Latina.

Loriza, não posso enviar os convites, mas continue insistindo nos sites.

Valeria, o grande segredo é ficar ligada no twitter - ali aparecem primeiro as big promoções ;-)

Douglas disse...

Muito bom post! E já vivi na pele isso. Já fiquei planejando, namorando, pesquisando e vendo pelo Google Earth por 9 meses em 2007/2008.
Este ano já fui a Salvador em Abril, por um ótimo preço pela Webjet e msm em 15 dias consegui um fast affair e aproveitei muito de SSA em 8 dias.
Esta semana que passou aproveitei o trecho de R$ 39,00 da GOL pra ir pra Montevideu pela primeira vez. E veja, com prazo de 15 dias novamente.
Então concluo assim: o old school de meses planejando fica pra alta temporada; agora na baixa, SEGUREM-SE QUEM PUDER pq essas promos deixam qq um LOUCO! hehehehe
Abraços