13 de jul de 2011

Confirmar voos: o ato simples que pode salvar sua viagem

Eu sempre recomendei aos leitores do blog, amigos e afins que confirmassem seus voos com pelo menos 72h de antecedência, sobretudo na alta temporada. Aprendi assim logo que eu comecei a viajar e sempre procurei confirmar meus voos antes do embarque inicial - bom, talvez eu tenha falhado uma ou duas vezes, vá. Mas vou dizer que isso agora virou um mantra: confirmar voos sempre, sempre, sempre.
Quando eu confirmo meus voos, mais frequentemente vem a surpresa de que mudou o horário um tiquinho - vira e mexe vai sair vinte minutos antes ou depois, quando compro a passagem com antecedência maior, naquelas alterações normais que os voos precisam mesmo fazer vez ou outra pelo próprio bom andamento dos aeroportos -e já fiquei sabendo numa dessas que meu voo que tinha antecipado em 1h20 a hora de saída.
Agora corta pra minha novelinha pessoal da semana pra ilustrar o assunto: Eis que, nessa segunda-feira, ao confirmar meus voos pra Espanha na semana que vem, comprados em março desse ano, qual não foi minha surpresa ao entrar no site da LAN e descobrir que não, eu não estava em nenhum dos voos programados. Liguei na empresa e descobri que não, não estava nos voos mesmo! Pois é: depois de algumas ligações (e uma boa dose de freakout), descobri que eu tinha um bilhete emitido e pago em mãos mas que a reserva do meu voo, ainda não se sabe exatamente porquê, tinha sido cancelada logo após a compra. Vejam só: eu nem suspeitava que algo do gênero fosse possível. Mas, sim, estamos o tempo todo sujeitos às falhas de máquinas e sistemas - e às vezes a falhas humanas também. O fato é que a dita cuja da reserva caiu, mesmo com o bilhete emitido, me jogando pra fora de cada um dos quatro voos envolvidos, uma loucura.
O final feliz é que, passado o pavorzaço - TODOS os voos da LAN para Madri estavam lotados, inclusive na executiva, em pleno auê das férias - eles me acomodaram em voos da parceira Iberia, com a qual fazem code share. Eu ia antes via Lima, agora vou via Santiago, e isso não interfere em nada específico pra mim, já que não tinha stop programado e o trajeto será longo do mesmo jeito. O ponto baixo de toda essa mudança é ter que trocar uma companhia que eu adoro, de ótimo serviço de bordo, pela Ibéria chinfrinzinha que todos nós conhecemos, que não tem sequer entretenimento individual, num voo bem longo. Mas pelo menos embarco nas datas que queria, tudo certinho, e todos os compromissos pessoais e profissionais que eu já tinha agendado por lá vão ser mantidos. Ufa.
E não posso deixar de citar: louvável a simpatia e a eficiência do pessoal da loja da LAN de São Paulo, que acabou resolvendo tudo muito mais rápido do que eu imaginava - na manhã seguinte eu já estava com o novo bilhete reemitido em mãos. Um beijo e um abraço pra Lis, que me atendeu com carinho e gentileza desde o primeiro contato - coisa raríssima de se ver hoje em dia. E outro beijo e abraço pras meninas da Espaço Turismo, onde eu tinha feito a primeira reserva do bilhete, lá no dia 3 de março, que acompanharam de perto o processo e só sossegaram quando receberam a minha passagem em cópia.
A moral de toda essa história que eu contei a vocês? É o tal do mantra: confirmem seus voos sempre, sempre, sempre, não importa para onde você esteja voando. Já pensou se eu não tivesse confirmado e tivesse descoberto que não estava em nenhum dos voos lá em Guarulhos, na hora do embarque? Ia dar muito pano pra manga.
Agora, entre trancos e barrancos, pelo menos eu estou segura que a viagem tá garantida.

12 comentários:

gabebritto disse...

Tá lôco!

Marcie disse...

Eu também sou da turma que confirma tudinho. Aliás, repetidas vêzes (toc, anyone?).
Que bom que deu tudo certo.

Lu Ferreira disse...

Que pânico, heim!!!
Uma vez, em BsAs, voltando de Ushu num período em que tinha horário de verão numa cidade e não noutra, minha marcação de bilhete não considerou isso. Cheguei no aeroporto prá embarcar num voo que saia 1 h antes do marcado! Eu estava certa, mas prá que serve o troféu "comigo é tudo muito certinho" fora do avião! Sorte é que sou bem neura com horário e sempre chego cedo. A moça do check-in saiu correndo comigo pelo aeroporto e embarquei, botando a alma pela boca. Se tivesse confirmado...

Vivian disse...

eu nunca confirmei voo, mas semana passada, estava em Palmas e resolvi ligar pra Tam pra ver se conseguíamos antecipar o meu voo e qual não foi a surpresa quando a atendente disse que o meu voo tinha sido cancelado devido ao mal tempo em Foz !!!!! Foi a primeira vez que isso aconteceu comigo, ainda bem que liguei pra eles porque, pelo visto, não iriam me avisar !! Depois desse susto vou ser mais cautelosa

CarlaZ disse...

Caraca!
Ainda bem que deu tudo certo no final.
Eu passei a confirmar esse ano depois de um perrengue e todos os voos desde entao tinham tido alguma mudança sem me avisar.

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

Pois é, as mudanças em geral são pequenas e não chegam a atrapalhar o viajante de verdade. Mas como as alterações são cada vez mais frequentes e confirmar voos é mesmo um pressuposto do passageiro... dá-lhe confirmação ;-)

Alix disse...

Mari, adoro seu blog:) Pela minha experiência vejo que esses acidentes são típicos da Lan! Eu planejava ir no carnaval de 2011 para Santiago. Fiz uma reserva pelo site da Lan e, ao ligar para fazer o pagamento e transformá-la em bilhete, fui informada de que não era válida (Argumento do atendente: alguém reservou na net "ao mesmo tempo"). Levei na esportiva e adiei a viagem para o feriado seguinte. Fui. Só que eu não tinha o saudável hábito de confirmar os voos. Na volta, ao chegar no aeroporto para o check in, me informaram: - Não há mais voos para o Rio às segundas. - Como assim não há, comprei, tá aqui o e-ticket! A atendente: - Não há, não lhe avisaram, deviam ter avisado. Eu: - Pois é!!!! Resultado: Me colocaram num hotel no centro e me mandaram para o Rio só no dia seguinte, num voo via São Paulo, que levou mais de seis horas. E eu tinha feito questão de comprar a passagem pela Lan porque viajava com crianças, queria um voo direto e curto, sem conexões nem escalas. Como era feriadão a volta atrasada enrolou minha vida. No embarque conheci outras pessoas na mesma situação (órfãos do finado voo de segunda), gente que estava vindo da Nova Zelândia e ficou sem conexão e sem bagagem! Enfim, fiquei com IRC da Lan.

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

Oi, Alix, tudo jóia? Tks pela visita! Que pena o que aconteceu com vc. Eu voo LAN há muitos anos, e adoro a companhia; foi a primeira vez que isso aconteceu comigo mas, como no seu caso, o bom é que eles resolveram o problema prontamente, ainda que com alguns percalços, certo? Com tanta companhia que vemos por aí dando balão nos clientes, acho super válido saber que, mesmo nos pepinos, podemos contar com assistência rápida, ao menos...

lilica disse...

Mari...eu comprei voo de Guarulhos para Madri que dizia ser pela Lan, minha surpresa depois de receber meu e-ticket...o voo vai ser com a Iberia saindo de Santiago igual a vc. Ouvi tanta coisa que estou meio apavorada, como foi seu vôo?? td certo?? Estou adorando seu blog! bjos

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

Lilica, às vezes isso acontece porque as companhias operam em code share, são parceiras. Os meus voos foram bem tranquilos. Só é chato que os aviões da Ibéria são mais antigos, sem TV individual etc e o serviço é mais restrito, mas foram bons. Só fica ligada se vc for muito consumista que, na volta, a Ibéria tá taxando o limite de bagagem em 2 peças de 23kg cada pra quem volta via Santiago, tá?

lilica disse...

Mari...muito obrigada, dessa vez vou ter que me conter nas compritchas, já estou pensando na próxima viagem, rsrsrsrrs
Quanto ao vôo só me preocupam três coisas, não atrasar, não extraviar bagagem e não cair...affff de resto a gente dá um jeito...bjos e valeu!

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

Ah, mas a Iberia nunca foi de problemas de segurança. A companhia só tem um serviço fraco. Tive atrasos, mas todos compativeis com o que consideramos "atraso normal" hj em dia :-S E as bagagens chegaram direitinho.