17 de abr de 2012

Mind the gap: só dá Londres em 2012

A febre do Keep Calm continua firme e forte
 Como vocês já sabem, a estadia em Paris, após a semana no sudoeste da França, foi divida em "2 fases", com uns belos dias londrinos no meio. E, como já estava mesmo todo mundo me cobrando pra falar de Londres aqui, aqui vamos nós.
Pra quem diz que Londres é fria e não tem poesia, humpf!
 A gente sabe que nesse ano só dá Londres: é Olimpíada, é Jubileu da Rainha, e ainda tem mais um monte de feiras e eventos programados lá pro ano inteiro (dá pra sempre checar o que vai rolar na cidade na época da sua visita aqui). A hotelaria tá feliz da vida, porque, mesmo com todos os novos hotéis que vêm sendo inaugurados ali desde o ano passado,continua todo mundo trabalhando com altíssimos índices de ocupação. E isso a gente vê nas ruas, com o gigante fluxo de gente passando dia e noite, em tudo quanto é bairro da cidade.
Em contagem regressiva para os jogos
 Brasileiros, então, somos franca maioria; a gente quase escuta mais português - sobretudo ali no centro - que inglês. Primeiro, porque foi-se o mito de que Londres é cara, que Londres tem libra etc e tal. A libra vale hoje 3 reais, mas as coisas lá não são "3 vezes mais caras" que no Brasil; com os altos preços praticados em tudo hoje em dia nas nossas terras, mesmo pagando em libra, a gente acaba gastando menos ali em vários quesitos - sobretudo para comer, e comer bem.
Londres calls me :-))))
Inconfundível
Inconfundível 2
Inconfundível 3
 E, segundo, porque Londres,convenhamos, está mesmo cada vez melhor.  Viajo para lá desde 2003, quando ouvi o "mind the gap" pela primeira vez; e não tem um ano que eu volte de lá sem achar que a cidade está melhor, mais cosmopolita, mais divertida, mais sofisticada, mais relax, mais cool. Mesmo.
Meu fiel companheiro londrino desde sempre
Então bora lá: Oyster Card em mãos (pra mim item ESSENCIAL em Londres; nunca me desfaço do meu e carrego logo que chego pra poder passear livre, leve e solta usando sempre o ótimo sistema de transporte público da cidade) que as próximas paradas serão todas londrinas aqui no blog ;-)

6 comentários:

Marco Cavalheiro - Buenos Aires Dreams disse...

Mari, parece que você está lendo meus pensamentos... Minha próxima viagem será Paris e Londres, e estou devorando tuas dicas!!! Abração!!!

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

Marco, continuo achando essa a melhor dobradinha Européia :-))))

Travel with Pedro disse...

Mari, adorei o post. Boa sacada frisar que os preços londrinos não são três vezes mais caros que no Brasil. Quando voltar aqui, vamos tomar um afternoon tea, OK?!

Pedro Serra disse...

Keep calm and blog on!!! Adorei o post!

Bjs

Margarida Nobre disse...

Amo demais essa cidade...e também não me separo do meu Oyster! :))
Beijos

Jackie e Rômulo disse...

Ah, vou vir aqui ler tuuuudo. Sou apaixonada por londres desde que.... acho que desde que nasci. era meu maior sonho viajandístico! Realizei em 2009 e desde então sonho em voltar. E pra ficar. Amei a cidade, me senti em casa! Era como eu imaginava - e qd a gente sonha normalmente põe expectativas altas, né?
beijos,