20 de set de 2012

Strada del Vino 1: Podere Scurtarola

Uvinhas suculentas logo na entrada da Podere Scurtarola
 A Strada del Vino literalmente "corta" a Toscana de norte a sul, passando por diferentes propriedades de distintos tamanhos e produtoras dos mais diferentes tipos de vinho. Ao longo de sua extensão, é subdividida em diferentes regiões vitivinícolas.
As curiosas flores da entrada da propriedade
Na primeira delas, ao norte, batizada com o longo nome de Strada del Vino dei Colli di Candia e di Lunigiana (que vai de Pontremoli a Montignoso), fica a propriedade da Podere Scurtarola, da família do divertido Pierpaolo Lorieri.
As focaccias vão para o forno caseiro antes de começar o tour
A Scurtarola produz, entre diversos vinhos e até azeites, um bom Vermentino (D.O.C. Candia Apuani), que é um dos mais emblemáticos da região - inclusive um ótimo (e raro) Vermentino Nero. A propriedade abre para tours com degustação, mas somente sob reserva (os tours são gratuitos e as degustações valem 8 euros). Só que a grande pedida para quem tem mais tempo disponível na viagem é optar pela refeição+degustação (desde 35 euros) ou pelas cooking classes (também promovidas sob reserva, desde 60 euros por pessoa).
Para quem opta pela refeição+degustação, os vinhos são saboreados junto com os quitutes produzidos in loco...
... ali mesmo, na frente dos convidados.
A comida produzida ali é autenticamente toscana, naquela vibe do luxo da simplicidade - das focaccias preparadas de tudo-quanto-é-jeito (com queijo, com tomate e majericão, com lardo etc) e dos deliciosos pãezinhos de figo à massa feita na hora, à base de farinha de castanha.
Massa fresquinha, feita na hora...
... enquanto rola o tour por entre os vinhedos...

... e focaccia fica pronta ;)
O Vermentino Nero é a melhor pedida da casa
 E, de sobremesa, se ainda houver um espacinho disponível, dá pra pedir uma fatia de Pan di vino, o "panetone" local cuja massa é feita com, obviamente, vinho.
Pan di vino
Um almoço simples e memorável. Visitinha boa!

Nenhum comentário: