2 de out de 2012

Hotel review: L´Andana, Toscana

 Nos meus últimos dias toscanos desse ano, me juntei a uma press trip que estava rolando com jornalistas brasileiros por lá. E assim, além de ser convidada a participar da bacanuda cooking class no centro Alain Ducasse da Toscana, também  fui convidada a me hospedar no igualmente bacanudo L´Andana, o hotel de monsieur Ducasse na região.
 O hotel foi, sem dúvida, o melhor de toda a viagem. E, considerando todas as minhas viagens à Toscana e hospedagens na região, só perde para o Four Seasons de Florença. A propriedade é enorme, e linda, com os casarões rodeados de muito verde e vinhedos a perder de vista.
Os quartos são muito, muito espaçosos, com banheiros e camas enormes e docinhos e água na cabeceira da cama no turndown service - só é pena que, para afastar os mosquistos, todas as janelas dos quartos sejam protegidas por redes. 

 E o wifi é grátis e aberto no prédio todo :D
 Foi em 2004 que Ducasse transformou a propriedade em hotel cinco estrelas, nas proximidades do borgo de Castiglione della Pescaia, mantendo o jeito de casa de campo em todos os cômodos: os ambientes internos são sempre pequenos, como numa casa, com decoração bem elegante; os jardins externos são cálidos e convidativos para uma bela leitura sob o sol; e os quartos e suítes ficam todos no prédio principal, com as portas voltadas para o claustro e as janelas para os vinhedos que rodeiam a propriedade.



 Cozinha muito caprichada (além dos restaurantes a la carte, o café da manhã também é todo fresquinho, feito na hora, com uma das melhores mussarelas de búfala que eu já comi e frutas bem suculentas) e um belíssimo spa subterrâneo, com saunas, piscina fria, piscina aquecida e jacuzzis, além das salas de tratamento com a bandeira ESPA.


O serviço é bom e atencioso, embora o staff da recepção pudesse ser mais simpático e o trato em geral com o hóspede mais personalizado, chamando pelo nome, como se espera de um hotel desse naipe.

2 comentários:

Anônimo disse...

Maravilloso hotel L'Andana en la Toscana (voy a anotarlo en mi libreta)

Mari,
No sé por qué en muchos hoteles las personas que atienden la recepción son menos simpáticas que el resto de los componentes del hotel. Muchas veces los camareros, mujeres de la limpieza, los de mantenimiento y etc. suelen ser más amables y acogedores que los recepcionistas de ese mismo hotel.

Algunos recepcionistas te contestan de malos modos y te miran por encima del hombro. Es algo que se debería corregir, porque es la primera imagen que tienes del servicio del hotel.
Beijos
Carmen L.

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

Exactamente, Carmen! te lo juro que también no comprendo :/