1 de out de 2011

Uma tarde em Taksim

A agitada Taksim Square: atravessar a rua ali é um ato quase marroquino
 Depois de passar uma curtíssima noite no maravilhoso Four Seasons at Bosphorus (falo dele mais pra frente), estou agora instalada, até o final da viagem, em Taksim. Mais especificamente, em plena Taksim Square, que é meio o coração nervoso de Istambul.
Sequência impressionante de bares e restaurantes
 Na outra visita à cidade, eu tinha só dado uma bandolada por aqui, pra ver o bairro que andava ganhando as linhas de reportagens sobre Istambul, sobretudo pela animadíssima vida noturna. Mas nada como começar a vê-lo com calma, à luz do dia, pra entender como aqui, da praça Taksim até o comecinho do bairro seguinte, Beyoğlu , se revela uma cidade COMPLETAMENTE diferente da que conhecemos em Sulthanahmet, moderníssima. Muito menos encantadora, é verdade, mas muito, muito mais pulsante.
As ruas que cortam a avenida são todas apresentadas assim, com "portais" ;-)
 Atravessar a mítica İstiklal Caddesi (ou İstiklal Avenue, para os turistas), apinhada de gente como uma 25 de março pré-Natal, já é em si só uma baita experiência. Literalmente ENTRE a infinidade de transeuntes, passam carros de polícia, um bondinho antiquíssimo e vários grupos de manifestantes sobre N causas diferentes.
Flagra: futura noiva provando vestidos no brechó By Retro
 Isso tudo entre negócios que misturam lojas da Diesel e da Mango, brechós e cafés e passagenzinhas com a cara da rua Augusta. Trata-se da loja comercial por excelência da Istambul de hoje e tem algumas coisas tão legais - tive a sorte de ser "guiada" por ali por uma local - que rendem posts próprios, como a Ìnci e a By Retro, impagáveis.
No começo da minha caminhada, tava assim, "vazia". Depois não tinha nem como cogitar parar pra fotografar
 A avenida é cortada por outras ruas igualmente muito movimentas, como a Nevlzade, que é a rua "oficial" dos restaurantes de peixe do Golden Horn, com um atrás do outro.
Turkish delight everywhere
 E todas permeadas por bares e nightclubes que funcionam, dizem, direto, nonstop, de sexta a domingo (pros brasileiros maxi consumistas, importante dizer que as lojas ficam abertas também :-D).
Tradicionalíssima que só
Dá-lhe Taksim.

5 comentários:

Perrenguete disse...

Sabe que, qdo fui a Istambul, tb não conheci muita esta área. Tínhamos resolvido passar uma tarde lá. Qdo chegamos, a praça estava interditada, um homem bomba se matou na praça e feriu 30 pessoas! Conhecer melhor Taksim vi ficar pra próxima. rsrs. E vou aproveitar sua dicas! Adorei as fotos. Bjs.

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

Uia, isso é que perrengue, hein? ;-)

Carmem Silvia disse...

Mari,
Entrando numa travessinha da Ístiklal Caddesi onde tem o Barcelona Café, há (ou pelo menos havia...) um pequeno café de propriedade de dois senhores, que é super-típico. Simplérrimo. Banquinhos de todos os modelos espalhados pela estreita calçada. Atendimento caótico. Café turco delicioso. #eugostei :-)

Mari Campos - Pelo Mundo disse...

oba, vou TER que procurar! :-))))

ep450 disse...

nossa que delicia heimmm